Compacto Simples (1972)


Back
Let Me Sing, Let Me Sing Go
Eu Sou Eu, Nicuri É o Diabo Go
Teddy Boy, Rock e Brilhantina Go
Eterno Carnaval Go















Let Me Sing, Let Me Sing
(Nadine Wisner - Raul Seixas)

A-wa bop a loom map lop bang boom!

Let me sing, let me sing
Let me sing my Rock and Roll
Let me sing, let me swing
Let me sing my Blues and go

Não vim aqui tratar dos seus problemas
O seu Messias ainda não chegou
Eu vim rever a moça de Ipanema
E vim dizer que o sonho
O sonho terminou

So, let me sing...

Tenho 48 kilo certo
48 kilo de baião
Num vou cantar como a cigarra canta
Mas desse meu canto eu não abro mão

So, let me sing...

Não quero ser o dono da verdade
Pois a verdade não tem dono não
Se o V de Verde é o Verde da Verdade
Dois e dois são cinco, né mais quatro não

So, let me sing...

Num vim aqui querendo provar nada
Num tenho nada pra dizer também
Só vim curtir meu rockzinho antigo
Que num tem perigo de assustar ninguém

So, let me sing...

Volta ao Início


Eu Sou Eu, Nicuri É o Diabo
(Raul Seixas)

Eu sou eu, nicuri é o diabo
Eu sou eu, nicuri é o diabo

Eu sei quem sou
E aonde vou
Eu sei quem sou
E prá onde vou
Eu agüento a barra
Limpa ou da Tijuca
Se vou lá no fundo
Fundo a minha cuca
Cucaracha cha-cha-cha-cha
Mas...
Eu sou eu, nicuri é o diabo
Eu sou eu, nicuri é o diabo
Eu sou eu, nicuri é o didi
Eu sou eu, nicuri é o diabo

E que diabo!
Kid-abo
Kid-Colt
Kid-Ringo
Kid-Jingo
Kid-Jango
E por falar nisso
Kid-Jango
E quem souber disso
Que me cante um tango:
Que el mundo fué y será una porquería
ya lo se, en el 510
y en el 2000 tambiém...
Mas...
Eu sou eu, nicuri é o diabo
Eu sou eu, nicuri é o diabo

Volta ao Início


Teddy Boy, Rock e Brilhantina
(Raul Seixas)

Eu quero avacalhar com toda a turma da esquina
Com meu cabelo cheio de brilhantina
Dançando o rock ao som de Elvis`n Roll
Eu vivo num clima brabo, cheio de violência
E você faz sinal de paz e clemência
E ainda me diz que é um bicho muito "Underground"
E ainda me diz que é um bicho muito "Underground"

Eu vivo de olho na vitrine da moda
Vendo robots padronizados é soda com coca-cola
e bugigangas que é pop

Hey bicho! Onde é que vai com essa flor no cabelo?
Com esse sorriso de paz e desespero?
Olhe pro lado e você vai entender
Entender (?)

Agora todo imbecil passa por gênio poeta
Em cada esquina um pseudo-profeta
Com um guarda-chuva e um pirulito na mão
Com um guarda-chuva e um pirulito na mão

Let`s rock, man

Não quero mudar o mundo com esse papo furado
Só acredito em quem pulou o cercado
Quatro bulldogs vigiando o portão
Quatro bulldogs vigiando o meu portão

Eu vou botar pra ferverm bicho!
Bota!

Volta ao Início


Eterno Carnaval
(Raul Seixas)

Eu vou brincar
O ano inteiro nesse carnaval
Ei vou entrar nessa bagunça
E não me leve a mal
Eu vou Eu vou
Eu vou brincar
O ano inteiro nesse carnaval
Não vou deixar que a cinza venha
E suje o meu quintal

Eu abro a boca
E fico rindo à toa
Essa é muito boa
Hoje eu tô legal
Só peço a Deus
Que me leve agora
Ontem, hoje, sempre
Eterno Carnaval
Eterno Carnaval
Hey, hey, hey

Volta ao Início
Volta ao Menu de Discos